Evite o fracasso como Líder, tenha coragem de ser imperfeito!
22 de dezembro de 2017
Como aumentar a intuição
22 de março de 2018

Como dar feedback negativo?

“Não sei dar feedback negativo, e agora?”

1º – O que é um feedback negativo?

Chamar atenção de alguém? Dar uma bronca por um comportamento não adequado?

Feedback tem que ser algo do dia a dia, que o líder tem que estar acostumado. É um retorno sobre algo que aconteceu, e tem que ser feito com frequência sem a necessidade de formalidade e stress. Muitas empresas marcam data para dar feedback ou até mesmo organizam uma reunião para isso. Esse é o dia mais terrível na vida de quem vai receber esse feedback, não acha?
Se você quer ser um líder diferente, com autoridade e respeito, independente se você já é um líder ou tem potencial para um dia se tornar um, presta atenção nisso:

Feedback é no dia a dia. Assim que você perceber que algo não ocorreu como esperado. Às vezes até mesmo na hora em que acontece.

Exemplo prático: Você delegou uma atividade para alguém e essa pessoa realizou a tarefa, mas o comportamento dela ou a forma que entregou o resultado foi inadequado, e você se sentiu desconfortável, constrangido ou sentiu que as coisas não saíram como você esperava, o que fazer?

Chame a pessoa na sequência da ação e diga que na situação recém ocorrida algo te deixou desconfortável e que a atitude da pessoa em questão não foi adequada e que não esperava isso dela e que você espera que essa situação não se repita.

Pergunte se algo não ficou claro, se o erro decorreu de alguma dúvida e diga o que você esperava que a pessoa tivesse feito.

Um reflexão importante:

Você que está lendo esse texto agora, procure lembrar o que te levou a chegar onde você está, procure se lembrar de grandes aprendizados da sua vida pessoal e profissional, ou seja, lembre-se de algo que te fez aprender uma lição importante na vida. Qual foi o contexto? Você aprendeu pelo conforto ou foi pelo desconforto? Foi quando a vida te pressionou a agir diferente ou quando você estava tranquilo no sofá da sua casa?

Se foram os feedbacks assertivos da vida que fizeram você mudar, crescer e se desempenhar de uma forma melhor, o mesmo ocorre com o outro.

A questão aqui é prática, você não deve considerar uma intervenção, como um “feedback negativo”, é apenas um feedback de algum comportamento que não estava adequado ou alguma entrega diferente da expectativa.

Então, não existe FEEDBACK NEGATIVO, existe feedbacks na hora em que as coisas acontecem. O segredo está em não apenas dar feedbacks em momentos de erro, mas em momentos de acerto também. Aprenda a elogiar. Sim, elogie. Elogie se a pessoa superou suas expectativas e se fez algo da maneira correta.

Evite apenas falar quando algo ocorrer de forma errada. Seja sincero em prol do crescimento das pessoas que trabalham com você.
Não é questão de ser “mole”, é questão de trazer crescimento para as pessoas e para o lugar em que você trabalha!

Espero que essa dica tenha sido útil para você. Aplique essa dica e nos conte o que achou aqui embaixo. ↓

Até mais
Amanda Gomes

Amanda Gomes
Amanda Gomes
Sou formada em Administração de Empresas, pós-graduada em Gestão de Varejo pela Fia Usp – MBA Executivo pela Fundação Dom Cabral. Sou especialista na área de análise comportamental DISC, Practioner em Programação Neorolinguística, Life, Business e Career Coach formada pela Sociedade Brasileira de Coaching, certificada UPW com Anthony Robbins nos EUA para aprimoramento em competências de empoderamento pessoal. Hoje são mais de 600 horas de atendimento como Coach e centenas de clientes que já se desenvolveram por meio do meu método.

1 Comentário

  1. Coy Avelino disse:

    Hiya, I am really glad I’ve found this info. Today bloggers publish just about gossips and net and this is actually frustrating. A good site with exciting content, this is what I need. Thanks for keeping this site, I will be visiting it. Do you do newsletters? Can’t find it.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *